top of page

B3L FICHA DE SEGURANÇA

Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos – FISPQ

ÓLEO D-LIMONENO (Conforme norma NBR 14725-4:2012)

1. Identificação
- Nome do Produto: Óleo d-Limoneno.
- Nome da Empresa: Dica Comercial Ltda
- Endereço: Rua : Florianopolis, 225 bairro Mathias Velho Cep. 92.330-500 – Canoas – RS – Brasil.
- Telefone para emergências: 51 3785.3302
- E-mail: sac@lubrificanteb3l.com


2. Identificação de perigos
- Perigo mais importante: Inflamável
2.1) Classificação da substância: Líquido inflamável – categoria 3
2.2) Elementos de rotulagem do GHS, incluindo as frases de precaução: Líquido inflamável:
2.3) Outros perigos que não resultem em uma classificação: Em contato com a pele por longo tempo pode causar irritação, vermelhidão temporária, leve irritação, sensibilização local e em alguns casos dermatite.



3. Composição e informações sobre os ingredientes
Substância: Óleo d-Limoneno.
-  Nome químico: 4-Isopropenil-1-Metilciclohexeno.

-  Sinônimo: D’limoneno, Cineno, cajeputeno.
-  Registro (CAS): 8028-48-6  Ingredientes que contribuam para o perigo (N° CAS): Terpenos, D’limoneno (68647-72-3).



4. Medidas de primeiros-socorros Inalação:
a) Procurar atendimento médico imediatamente;
b) Remover para local ventilado (ar puro) e para área livre de contaminação;
c) Mantê-lo em repouso na posição mais confortável, com roupas quentes e folgadas;
d) Ministrar oxigênio, se necessário;
e) Não é necessário o uso de medidas de proteção diferentes do listado na seção 8.

Contato com a pele:
a) Procurar atendimento médico imediato se o local tiver reações como vermelhidões ou reações adversas;
b) Remover a pessoa para um local ventilado;
c) Remover roupa e calçados da pessoa exposta, lavar a área afetada com sabão e água fria em abundância. Nunca aplicar pomadas ou similares;
d) Não é necessário aos socorristas o uso de equipamentos de proteção individual (EPI);
e) Não é necessário o uso de medidas de proteção diferentes do listado na seção 8.

Contato com os olhos:
a) Manter as pálpebras abertas e enxaguar com água corrente fria e limpa, sem jato de água forte, por aproximadamente 15 minutos. Não aplicar colírios ou similares e procurar atendimento médico imediato, pois são esperados efeitos retardados após a exposição;
b) Remover a pessoa para um local ventilado;
c) Não é necessário remover roupa e calçados da pessoa exposta;
d) Não é necessário aos socorristas o uso de equipamentos de proteção individual (EPI);
e) Não é necessário o uso de medidas de proteção diferentes do listado na seção 8.

Ingestão:
a) No caso de ingestão de produto, procure atendimento médico imediato, levando informações sobre o produto ingerido;
b) Remover a pessoa para um local ventilado;
c) Não é necessário remover roupa e calçados da pessoa exposta;
d) Não é necessário aos socorristas o uso de equipamentos de proteção individual (EPI);
e) Não é necessário o uso de medidas de proteção diferentes do listado na seção 8.

4.1) Sintomas e efeitos mais importantes, agudos ou tardios: Em caso de ingestão pode causar desconforto intestinal.
4.2) Notas para o médico: Baixa toxicidade. Tratamento sintomático. Não há nenhum antídoto específico.



5. Medidas de combate a incêndio
5.1) Meios de extinção: Apropriados: Areia, terra, dióxido de carbono, extintor de pó; Inadequados: Não usar jatos de água.
5.2) Perigos específicos da substância: Líquido inflamável, produção de fumaça ácida e vapores bem como monóxido de carbono (CO) e dióxido de carbono (CO2).
5.3) Medidas de proteção da equipe de combate a incêndio: Usar equipamentos de proteção respiratória do tipo autônomo (SCBA) com pressão positiva e vestuário protetor completo.



6. Medidas de controle para derramamento ou vazamento
6.1) Precauções pessoais, equipamentos de proteção e procedimentos de emergência:
6.1.1) Para o pessoal que não faz parte dos serviços de emergência
- Utilizar equipamentos de proteção adequado (máscaras, botas de borracha) para impedir qualquer contaminação da pele, olhos ou roupa;
- Eliminar as fontes de ignição e proporcionar ventilação suficiente;
- Evacuar a área de risco.
6.1.2) Para o pessoal do serviço de emergência Material adequado: máscaras de carvão ativado, óculos de proteção ou escudo para o rosto, luvas impermeáveis, roupas anti-chamas.
6.2) Precauções ao meio ambiente: Evitar que o produto derramado atinja cursos d’água e redes de esgoto. Se atingir informar autoridades competentes.
6.3) Métodos e materiais para a contenção e limpeza Métodos para Contenção: Fazer um dique de contenção.
Métodos para limpeza: Sabão (detergente) e água.
Recuperação: Grandes derramamentos devem ser limpos com material absorvente, não inflamável.
Neutralização: Terra, areia e o material deverão ser colocados em recipientes impermeáveis.
Disposição: O líquido recuperado e absorvido deve ser destinado à incineração.
Prevenção de perigos secundários: Não descarte diretamente no meio ambiente ou rede de esgotos.


 

7. Manuseio e armazenamento
7.1) Precauções para manuseio seguro
a) Utilizar equipamentos de proteção individual ao manusear o produto, descritos na seção 8;
b) Manusear afastado de fontes de calor, evitar fontes de ignição, como faíscas e chamas;
c) Manusear o produto somente em locais bem arejados ou com sistemas de ventilação geral/ local, adequados. Evitar respirar vapores formados do produto.
Evitar o uso de lentes de contato.

Recomendações gerais sobre higiene:
a) proibido fumar, comer e beber nas áreas de trabalho;
b) lavar as mãos antes e após manusear o produto;
c) manter o vestuário limpo; 
d) estabelecer boas rotinas de lavagem pessoal, particularmente antes de manusear produtos alimentícios

7.2) Condições de armazenamento seguro, incluindo qualquer incompatibilidade
a) Como evitar:
1) Atmosferas explosivas: evitar
2) Condições corrosivas: evitar
3) Perigos relacionados com a inflamabilidade: alto
4) Armazenamento de substâncias ou misturas incompatíveis: reativo com agentes oxidantes
5) Condições de evaporação: alta
6) Fontes potenciais de ignição: evitar
b) Como controlar os efeitos de:
1) Condições climáticas: Armazenar em câmara-fria de acordo com a rotulagem
2) Pressão ambiente: não aplicável
3) Temperatura: evitar temperaturas elevadas
4) Luz solar: evitar luz solar direta
5) Umidade: evitar
6) Vibrações: evitar
c) Como manter a integridade da substância mediante o emprego de:
1) Estabilizantes: não recomendado o uso de estabilizante
2) Antioxidantes: não recomendado o uso de antioxidante
d) Outras recomendações:
1) Requisitos relacionados com a ventilação: manter o produto na embalagem original e em local ventilado; 2) Requisitos específicos para as salas/reservatórios de armazenamento: armazenagem em câmeras frias de acordo com a rotulagem;
3) Limite de quantidades nas condições de armazenamento: não aplicável;
4) Embalagens compatíveis: metálicas com revestimento fenólico e tanques de inox.



8. Controle de exposição e proteção individual
8.1) Parâmetros de controle: Dados não disponíveis
8.2) Medidas de controle de engenharia: Promover ventilação e exaustão do local. Chuveiros de emergência e lava olhos disponíveis na área de trabalho
8.3) Medidas de proteção pessoal
a) Proteção dos olhos: Uso de escudos aprovados para o rosto ou óculos de proteção;
b) Proteção da pele e do corpo: Uso de luvas resistentes a solventes (borracha, pvc) Vestuário protetor completo e resistente a solventes orgânicos;
c) Proteção respiratória: Evitar respiração excessiva de vapores (exaustão local ou ventilação mecânica devem ser projetadas para prevenção). Filtro A para vapores de compostos orgânicos. Se necessário, utilizar aparato de respiração completo;
d) Perigos térmicos: Evitar expor o produto ao calor. Proibido fumar



9. Propriedades físicas e químicas
a) Aspecto (estado físico): Líquido incolor, transparente.
b) Odor e limite de odor: Característico da fruta, forte odor cítrico.
c) pH: Não aplicável.
d) Ponto de fusão/ponto de congelamento: - 74 a -96°C.
e) Ponto de ebulição inicial e faixa de temperatura de ebulição:> 176°C(349°F) e faixa de temperatura de ebulição 175,5°C a 178,0°C(347,9 a 352,4ºF). A 763 mmHg.
f) Ponto de fulgor: 45 a 49ºC
g) Taxa de evaporação: (Butil acetato=1):< 1
h) Inflamabilidade (sólido, gás): não aplicável.
i) Limite inferior/superior de inflamabilidade ou explosividade: Porcentagem de limite explosivo por volume: Menor que 0,7% a 150ºC , maior que 6,1% a 262°C.
j) Pressão de vapor: A 14 ºC: 1mm Hg A 20°C:1,4mmHg A 25°C: 2 mmHg
k) Densidade de vapor: 4,7 l) Densidade relativa: 0,79 a 0,84 a 20°C.
m) Solubilidade(s): Em água 13,8 mg/l a 25°C. Completamente solúvel em Etanol 95%.
n) Coeficiente de partição–n-octanol/água: Miscível em óleos.
o) Temperatura de autoignição: 237°C(458°F). Podem se formar, mistura explosiva de ar/vapor à temperaturas superiores a 45°C.
p) Temperatura de decomposição: não disponível
q) Viscosidade: A 20° C : 1,28 cST



10. Estabilidade e reatividade
10.1) Reatividade: produto reativo.
10.2) Estabilidade química: produto estável sob condições normais de manuseio e armazenamento.
10.3) Possibilidade de reações perigosas: pode reagir com agentes oxidantes fortes, pentafluoreto de Iodo, tetrafluoretileno, HCl e HBr.
10.4) Condições a serem evitadas: evitar aquecimento, pois pode reagir com oxidantes fortes gerando calor.
10.5) Materiais incompatíveis: agentes oxidantes fortes, argilas ácidas e ácidos minerais. Pode reagir com ácido sulfônico alquilbenzeno.
10.6) Produtos perigosos da decomposição: Se o produto for aquecido, emitirá fumaça ácida e vapores bem como monóxido de carbono e dióxido de carbo
no.


11. Informações toxicológicas
a) toxicidade aguda: 50 a 140mg/kg (rato): efeito psicoléptico [RIFM,TDS]; 3500 mg/kg (rato): nível máximo sem efeito [RIFMU, SLR].
b) corrosão/irritação da pele: irritação moderada [RIFM]. Força
total,24h sob oclusão (coelho) [RIFM].
c) lesões oculares graves/irritação ocular: efeitos irritantes [RIFMU].Força total no saco conjuntivo (coelho) [TDS].
d) sensibilização respiratória ou à pele: produtos auto-oxidantes não sensibilizadores da pele.
e) mutagenicidade em células germinativas: não disponível f) carcinogenicidade: não disponível
g) toxidade à reprodução: não disponível
h) toxicidade para órgãos-alvos específicos – exposição única: não disponível
i) toxicidade para órgãos-alvos específicos – exposição repetida: não disponível
j) perigo por aspiração: irritante para nariz e garganta.



12. Informações ecológicas
Efeitos ambientais, comportamentos e impactos do produto:
12.1) Ecotoxicidade: poluente aquático e terrestre.
12.2) Persistência / Degradabiliade: o produto sofre biodegradação.
12.3) Potencial bioacumulativo: dados não disponíveis.
12.4) Mobilidade no solo: por ser líquido o produto apresenta mobilidade ao solo.
12.5) Outros efeitos adversos: dados não disponíveis



13. Considerações sobre destinação final
3.1) Métodos recomendados para destinação final
Método de tratamento e disposição:
- Produto: seguir as leis locais, estaduais ou federais. Na maioria dos casos, aterros ou incinerações se aplicam.
- Restos de produto: seguir as leis locais, estaduais ou federais. Na maioria dos casos aterros ou incinerações se aplicam.
- Embalagem usada: lavar com água e sabão e reciclar. No manuseio de embalagens usadas ou restos de produtos devem-se usar os EPIs de segurança conforme mencionados na seção 8.



14. Informações sobre transporte
- Regulamentações nacionais e internacionais:
a) Terrestre: ANTT Resoluções n° 420/04, 701/04 e 1644/06.
b) Marítimo: IMO Organização Marítima Internacional(Código IMDG).
c) AÉREO: IATA, DGR 48ªEd. 2007.

Para produto classificado como perigoso para o transporte:

- Terrestre:
a) Número ONU: UN 2319.
b) Nome apropriado para embarque: Hidrocarbonetos Terpenos.
c) Classe de risco: 3- Líquido inflamável.
d) Número de risco: 30
e) Grupo de embalagem: III
f) Perigo ao meio ambiente: Produto biodegradável, não solúvel em água, de origem natural, principal componente do óleo da casca de frutas cítricas. Não afeta a camada de ozônio; não tem potencial para aquecimento global.

Marítimo:
a) Número ONU: UN 2319.
b) Nome apropriado para embarque: Hidrocarbonetos Terpenos.
c) Classe de risco: 3- Líquido inflamável.
d) Número de risco: 30
e) Grupo de embalagem: III
f) Perigo ao meio ambiente: Produto biodegradável, não solúvel em água, de origem natural, principal componente do óleo da casca de frutas cítricas. Não afeta a camada de ozônio; não tem potencial para aquecimento global.

Aéreo:
a) Número ONU: UN 2319.
b) Nome apropriado para embarque: Hidrocarbonetos Terpenos.
c) Classe de risco: 3- Líquido inflamável.
d) Número de risco: 30 e) Grupo de embalagem: III
f) Perigo ao meio ambiente: Produto biodegradável, não solúvel em água, de origem natural, principal componente do óleo da casca de frutas cítricas. Não afeta a camada de ozônio; não tem potencial para aquecimento global.



15. Informações sobre regulamentações
- NR 20 – Segurança e Saúde no Trabalho com Inflamáveis e Combustíveis.

- Informações sobre riscos e segurança conforme descritas no rotulo:

- Frases de risco: Inflamável
- Rotulagem: De acordo com a resolução 420 de 12/02/2004 – ANTT.
- Seguir as leis locais, estaduais ou federais.


16. Outras informações

Uso recomendado e possíveis restrições ao produto: Solvente, fragrância.

- A Dica Comercial Ltda compilou as informações e recomendações contidas neste documento, a partir de
fontes tidas como confiáveis e representativas do conhecimento atual sobre o produto.
Não apresenta nenhuma garantia ou representação quanto às informações serem corretas ou suficientes.
O usuário deste produto deve decidir quais as medidas de segurança necessárias para o uso seguro deste produto, tanto sozinho como combinado a outros produtos, e determinar a adequação a quaisquer obrigações regulamentares federais ou estaduais aplicáveis.


- Referências bibliográficas
Merck Index
Diferentes Clientes.
FDA 21CFR182.20 ABNT NBR 14725-4:2012

- Abreviaturas
GHS = Globally Harmonized System
ONU = Organização das Nações Unidas
ANTT = Agência Nacional de Transportes Terrestres
IMDG = International Maritime Dangerous Goods - Code
IATA – DGR = International Air Transport Association – Dangerous Goods Regulations
EPI = Equipamento de proteção individual
CAS = Chemical Service Abstract
SCBA = Self Contained Breathing Apparatus

bottom of page